0

Um mês pós cirurgia de prótese nos seios - Anatômica 300ml























Não é possível mais deixar comentários no blog, caso queira entrar em contato me procure via email, facebook ou instagram!


Olha aí gente,

Resultado da cirurgia após 40 dias. Totalmente satisfeita com o resultado deles no decote. Realmente queria tirar o efeito "bola" do silicone. Ainda sinto um pouco de dor com certos esforços. Não comecei a treinar superior mas, espero retornar em breve!!

: ****




0

Resposta à cadeira abdutora com agachamento e não "agachamento na abdutora"


Não é possível mais deixar comentários no blog, caso queira entrar em contato me procure via email, facebook ou instagram!

Esse foi o texto tirado no facebook do Paulo Gentil, como as leitoras sabem, eu realizo sim esse exercício e algumas pessoas me perguntaram sobre ele mostrando esse texto. A resposta abaixo estou dando como jornalista e atleta, de modo algum quero agredir o autor, cada um tem a sua opinião e eu vou interpretar o texto e dar a minha opinião.

Vamos ao texto:

Agachamento na cadeira adutora... 

Na verdade, como no título do blog, o que eu faço não é um agachamento na cadeira e sim uma abdução com agachamento, pode parecer ser a mesma coisa porém não é!!!


Nessas férias (?) estou me divertindo com algumas inveções. A nova (para mim) é um tal agachamento na cadeira abdutora! Nesse exercício, se realiza um "agachamento" concomitantemente com a abdução de quadril. Bem, poderíamos discorrer sobre Fisiologia, Biomecânica... mas é possível simplificar a análise.



Os dois movimentos (o de agachar e o de abduzir) ocorrem em planos diferentes. Ou seja, o principal movimento que é o ato de abduzir é complementado com o ato de agachar. E não o contrário, não estamos fazendo um agachamento na cadeira. Até porque pensando em agachamento este na cadeira abdutora não teria efeitos satisfatórios em alunos não iniciantes visto que seria um tanto inviável trabalhar com pesos desta maneira. Então analisando o movimento, entra em questão também que no momento que finalizamos a fase excêntrica do exercício estamos em posição do acachamento sumô. Aqui, estamos colocando em primeiro plano o treino de abdutores e GLÚTEOS!

Façamos um pequeno teste: segure o sabonete molhado entre suas mãos, deixando apenas um pequeno espaço livre acima. Agora, aperte! O que acontece? Ele vai pular, né!? Sim, dois corpos não ocupam o mesmo lugar no espaço e, como o sabonete não pode atravessar suas mãos, ele irá para o lugar de menor resistência! Agora, pensemos no "agachamento" na cadeira abdutora. Há uma máquina te espremendo e você não pode atravessar a máquina... então, qual o caminho mais fácil? Ir para cima, para o local de menor resistência!
Na sinceridade, eu não consegui entender muito bem a analogia.... então não posso opinar muito.


Dessa forma, o movimento poderia ser considerado um antiagachamento, pois se faz força para sentar e não para levantar! 

O agachamento trabalha os músculos nos dois movimentos, seja de levantar ou de sentar!


Mas, calma aí! O movimento de extensão de quadril, no qual o glúteo trabalha é justamente o movimento de levantar, ou seja, o contrário do que está sendo sobrecarregado. Assim, nessa variação, o que faz seu corpo voltar à posição inicial é basicamente a força da gravidade, força dos membros superiores e um pouco da ação dos abdutores para livrar o espaço. Dessa forma, no final das contas, o que se está fazendo é brincar de gangorra com a máquina. .(não consegui resposta, não entendi a afirmação)



Ah, há também um pouco de abdução (um pouco???? mas se estamos abduzindo na própria cadeira abdutora???? , mas de uma maneira muito esquisita (ou será que é normal e eu que estou ficando velho?)...



(Paulo Gentil)



Tudo pode parecer simples de falar mas, na verdade, só podemos dizer que sim ou que não com absoluta certeza  apenas com testes. Se a abdução com agachamento é mais eficiente ou não só teremos certeza com análises mais aprofundadas. Vamos à prática! Afinal o nosso mundo bodybuilder é feito muito dela! Não vejo nenhuma mirabolice em abduzir e agachar ao mesmo tempo. E também não há nada de errado nisso. Isso já é um bom começo... 

Minhas justificativas para realizar esse movimento partem de algumas considerações, a primeira e mais importante:

 (...) tendo em vista que essa variável [alongamento da musculatura e contração durante o exercício] é extremamente importante para os ganhos de força e massa muscular (Weiss et al., 2000; Massey et al., 2005; Gentil, 2011). Portanto, no momento que estamos realizando o agachamento em cima da cadeira abdutora estamos aumentando o alongamento da musculatura dos glúteos e a contração muscular. Conseguimos ainda exigir mais da nossa musculatura quando aplicamos isometrias e escalonamentos. 

Da série, faça você mesmo e em casa: 

Se você está agora sentada em uma cadeira, coloque suas pernas em posição de agachamento sumo e sente novamente. Com as mãos faça força como se fosse fechar as pernas imitando o movimento da abdução em isometria. Agora, faça a mesma coisa em posição de agachamento sumo porém sem sentar na cadeira, com certeza na segunda situação você sente uma maior contração dos glúteos. Isso é claro pois, você exige mais da sua musculatura quando está agachada e não sentada confortavelmente na cadeira abdutora. É interessante, acrescentar alguns segundos de isometria na sua série.

Mais essa variação de movimento, não é nada revolucionário... é só mais uma variação que vai lhe permitir colocar mais pesos, comparado às outras posições, irá exigir mais da sua musculatura e involuntariamente você irá contrair mais a ainda o músculo.

Com mais ou menos importância, temos ainda a confusão mental, técnica usada para hipertrofia muscular: 
CONFUSÃO MENTAL: consiste em variar constantemente o exercício, a série, repetições e ângulos, para que não ocorra a homeostase. (Guedes, D. 1997);

Quando agachamos e abrimos as pernas estamos deixando o movimento mais complexo e exigindo mais da nossa atenção. Como dito antes, temos mais trabalho muscular.

 Eu realmente gosto muito do lado prático desse movimento. Não acho nem um pouco bizarro e sem fundamento e vou continuar fazendo...

Entrei em contato com o professor Waldemar Guimarães e pedi a opinião dele a respeito, vamos aguardar a resposta e coloco aqui o update!!




0

Silicone nos seios - escolha do médico, dia da cirurgia

Não é possível mais deixar comentários no blog, caso queira entrar em contato me procure via email, facebook ou instagram!


 Bom gente, troquei as minhas próteses dia 15.01 e optei pela prótese anatômica perfil super alto da Polytech. Na foto acima vocês estão vendo dois modelos de próteses anatômicas, a número 1 - perfil extra alto e a 2 - perfil alto. 


Desde que venho falando em trocar as próteses, tinha em mente a prótese cônica da Silimed, porém resolvi arriscar e usar a anatômica que muito provavelmente irá de dar um efeito bem similar. Tive duas opiniões de médicos super conceituados aqui em Fortaleza. Um aceitou colocar a prótese cônica o outro me aconselhou colocar a prótese anatômica. Achei o segundo médico mais ligado no meu estilo de vida (atleta) e colocou na mesa os prós e os contras da opção melhor esteticamente falando.



Muitas mulheres gostam da prótese redonda, eu realmente queria tirar um pouco esse efeito redondo dos seios. 

Para você entender um pouco meu caso, o médico disse que os meus seios e o meu estilo de vida tornas as decisões um pouco complicada e que não sou de jeito nenhum uma "paciente padrão modelo". Isso porque:

Tenho pouco tecido mamário (rippling ocorreu após a última cirurgia)
Pele fina
Pouca gordura
Treino musculação bastante

O que queríamos com a cirurgia:

Tirar o efeito "bola" demais dos seios
Solucionar o rippling na parte de cima dos seios
Ter em mente que para solucionar o item acima, precisava colocar submuscular, porém não é a melhor opção para quem treina musculação pois a prótese pode deslocar-se.

Solução:

Prótese anatômica perfil super alto
Incerção mista: submuscular e subglandular - metade de cima por baixo do músculo e metade de baixo acima do músculo.

Hoje fazem 9 dias que operei e agora sinto menos dores na região do músculo. Recebi a conta do hospital e quase morro do susto :((((. Deixei um caução de R$ 1.800 mas como a cirurgia demorou mais que o esperado (2h) ou seja, 4 horas... acabou ficando em R$ 2.900 - Hospital São Carlos em Fortaleza.

próximos posts: fotos para Leitoras Vips:

Clique no link e assine!


0

Silicone nos seios x musculação e após amamentar

Não é possível mais deixar comentários no blog, caso queira entrar em contato me procure via email, facebook ou instagram!

Oi meninas, esse mês de Janeiro começou a minha jornada para trocar as minhas próteses de seios. Eu estou sonhando com a prótese cônica da silimed. E aí, fui na primeira consulta e o médico que realmente queria não trabalha com a silimed :( além de achar que a prótese cônica ou extra perfil alto, que são próteses semelhantes e de outras marcas, não é ideal para colocar parcialmente abaixo do músculo. Atualmente tenho uma perfil alto da mento e subglandular.

 O problema é que tenho pouco tecido mamário e também gordura nos seios fazendo que apareça o rippling - clique aqui e veja um seio com rippling Porém, colocar a prótese abaixo da musculatura não é uma boa opção para mulheres atletas visto que aumenta probabilidade da prótese mover-se. Porém, somente abaixo do músculo vai me garantir um melhor resultado estético. 

RESUMO COM O PRIMEIRO MÉDICO: 
NÃO USA A PRÓTESE DA SILIMED (QUE TANTO QUERO) 
VAI ME OPERAR COLOCANDO PARCIALMENTE (ENFATIZOU NÃO COLOCAR TOTALMENTE) A PRÓTESE ABAIXO DO MÚSCULO (DEIXANDO CLARO O RISCO DE MOVIMENTAÇÃO DA PRÓTESE) 
E O CUSTO: R$ 9.000 ,00 

O segundo médico me deixou mais livre para escolher as próteses. Ele também confirmou que colocar a prótese abaixo do músculo tem o risco e é definitivamente melhor para mim em termos de estética porém, não cogitou em colocar apenas parcialmente. O problema maior foi a forma de pagamento R$ 10.000,00 à vista (oO) + o valor da prótese. 

RESUMO COM O SEGUNDO MÉDICO:
OPERA COM A PRÓTESE QUE QUERO 
ORÇAMENTO BEM MAIS CARO: R$ 12.000,00
COLOCA TOTALMENTE ABAIXO DO MÚSCULO 

É óbvio que eu preciso de uma terceira opinião e meu tempo está ficando curto. Tenho duas filhas, uma delas uma bebê de um ano e não vou poder colocar no colo. Então preciso ficar este tempo com a minha família para ter suporte.

Vamos lá... correr atrás de um terceiro médico e então escolher entre os prós e os contras!

bjkas